Conselho de Ética aprova cassação de Eduardo Cunha por 11 votos a 9

15 de junho de 2016

Tags:Brasil
foto: Wilson Dias
O Conselho de Ética da Câmara dos Deputados aprovou por 11 votos a 9 o parecer que sugere a cassação do deputado afastado Eduardo Cunha (PMDB-RJ), entregue há duas semanas (31).
De autoria de Marcos Rogério (DEM-RO), o parecer argumenta que Cunha mentiu à CPI da Petrobras quando, em 2015, negou ter “qualquer tipo de conta” no exterior. O texto deveria ter sido discutido na semana passada, mas a votação foi adiada para evitar a absolvição do peemedebista.
Apesar de estar impedido pela presidência da Câmara de incluir como motivo de cassação a acusação de que Cunha recebeu propina no petrolão, Rogério não deixou o tema de fora de seu voto.
Ele lembra que as contas vinculadas a Cunha da Suíça foram omitidas por terem sido, segundo as investigações da Procuradoria-Geral da República, abastecidas em parte com recursos oriundos do esquema de corrupção na Petrobras.
Aliados de Cunha trabalharam para a aplicação de uma punição branda ao peemedebista, como a suspensão de suas prerrogativas parlamentares. ( O SUL)

© Védera Nutrição Animal - Todos os direitos reservados.

- AOVIVO - Informação 24h de plantão