Fabiano Silveira pede demissão do Ministério da Transparência

31 de maio de 2016

Tags:Brasil
Foto: Agência Brasil
Fabiano Silveira pediu demissão do Ministério da Transparência, Fiscalização e Controle, em carta entregue ao presidente interino Michel Temer, nesta segunda-feira. Silveira teve áudios de conversas com ex-presidente da Transpetro Sérgio Machado divulgados nesse domingo pelo Fantástico. Nas conversas, há cerca de três meses, quando Silveira ainda era do Conselho Nacional de Justiça (CNJ), ele aconselha Machado e o presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL), sobre como deveriam agir em relação às investigações da Operação Lava Jato, da Polícia Federal. Atualmente, Silveira comanda pasta estratégica para medidas de combate à corrupção no País.
Poucas horas antes, após reunião, Temer havia decidido que, por enquanto, manteria o chefe da pasta. Silveira, contudo, explicou em carta que “a situação em que me vi involuntariamente envolvido – pois nada sei da vida de Sérgio Machado, nem com ele tenho ou tive qualquer relação – poderia trazer reflexos para o cargo que passei a exercer, de perfil notadamente técnico”. Por conta disso, pediu o desligamento. “Não obstante o fato de que nada atinja a minha conduta, avalio que a melhor decisão é deixar o Ministério da Transparência, Fiscalização e Controle.”
O ministro enfatizou não ter feito qualquer manifestação contrária às operações da justiça no país. “Não há em minhas palavras nenhuma oposição aos trabalhos do Ministério Público ou do Judiciário, instituições pelas quais tenho grande respeito”, definiu. “Nesse período, estive imbuído dos melhores propósitos e motivado a realizar um bom trabalho à frente da pasta”, acrescentou. “Pela minha trajetória de integridade no serviço público, não imaginava ser alvo de especulações tão insólitas.”(Correio do Povo)

© Védera Nutrição Animal - Todos os direitos reservados.

- AOVIVO - Informação 24h de plantão